• Home
  • »
  • Blog
  • »
  • OKR
  • »
  • OKRs para startups: o que são, como definir bons OKRs + exemplos!
okrs para startups

Um dos principais fatores para o sucesso dos negócios é definir objetivos coerentes para curto e longo prazo. Mas, na hora de fazer isso, muitos empreendedores e gestores encontram dificuldades. Se esse é também o seu caso, não precisa mais se preocupar. Por aqui, vou mostrar como definir OKRs para startups. 

Separei vários objetivos e resultados-chave específicos para ficar mais fácil de entender as regras.

Continue a leitura e colha os frutos que tanto deseja! 

Treinamento de OKR introdutório e gratuito
Como obter alinhamento, foco e agilidade com OKR

O que é OKR para startups?

OKR é a sigla referente a Objectives and Key Results (Objetivos e Resultados-chave). 

Na prática, trata-se de  uma ferramenta para que líderes possam definir, junto com seus times, de forma colaborativa, os objetivos mais importantes para os próximos meses e como medí-los de forma eficaz.

Assim, gestores e coordenadores conseguem estabelecer tudo o que representa o ponto de chegada para as equipes, seus produtos e serviços — tanto para curtos quanto para longos prazos. 

Para que servem os OKRs para startups?

Os OKRs para startups são extremamente necessários. 

Isso porque eles ajudam os profissionais a definirem quais são os frutos que a empresa deseja colher e, ao mesmo tempo, como medir o progresso com base  nos resultados obtidos dia após dia. 

Além da clareza do que precisa ser feito e analisado, o OKR também traz outros grandes benefícios para os times de trabalho, como: 

  • foco;
  • alinhamento;
  • agilidade;
  • transparência;
  • engajamento;
  • comunicação clara;
  • foco no desempenho;
  • ciclo de aprendizado;
  • resultados surpreendentes. 

Como escrever bons OKRs para startups?

Antes de mostrar como definir os OKRs para startups, preciso comentar que não basta usar a ferramenta sem um verdadeiro compromisso, disciplina e consistência. 

O que quero dizer é que a ferramenta deve realmente fazer parte da cultura da empresa. Agora, você deve estar pensando: “mas como?”

Primeiramente, é fundamental ter uma liderança muito bem definida, consistente e comprometida. 

Os segundos cuidados estão ligados à disciplina e constância, isso não só por parte dos líderes, mas por toda a startup mesmo. Isso acontece com a realização das reuniões de check-in toda semana para avaliar o andamento de cada Key Result.

No começo, pode até ser que alguns fatores não saiam perfeitamente, como você imaginava. Mas, não desista, siga em frente e continue levando o OKR a sério. A fluidez vem com a prática. 

Agora, falando sobre como definir os OKRs de startup… Comece pelos objetivos descritos de maneira qualitativa. Os objetivos devem representar de forma sucinta as principais oportunidades ou problemas que você quer resolver.

O passo seguinte é estabelecer os resultados-chave, que são uma descrição quantitativa do que se espera alcançar na startup. 

Abaixo, esses aspectos ficarão mais claros para você. Veja! 

Exemplos de OKRs para startups

Separei alguns exemplos para diferentes metas ligadas à startup. 

Perceba que, como explicado anteriormente, os objetivos trazem sempre uma descrição qualitativa. 

Já os OKRs devem ser baseados em dados e números, caso contrário, não é possível ter uma dimensão quantitativa. 

Foco no crescimento do negócio

Imagine uma startup que necessita focar suas energias no crescimento do negócio. No exemplo abaixo, foram definidas algumas “alavancas” importantes para representar esse crescimento.

A primeira poderia ser a própria receita. Lembrando que a receita da startup é todo o dinheiro proveniente da venda de produtos e/ou serviços. 

A segunda, por exemplo, é o número de clientes ativos na base — aqueles que consumiram os produtos nos últimos 30 dias, por exemplo. 

O número de leads poderia ser outra alavanca. Também é importante lembrar que os leads são aquelas pessoas que já manifestaram interesse em sua marca. Por exemplo, se cadastraram no site, mas ainda não fizeram aquisições. 

É claro que atrair mais indivíduos desse público é extremamente importante, afinal, eles podem se tornar consumidores fiéis. 

Uma terceira métrica que poderia ser utilizada é a taxa de conversão. Ela é referente ao número de leads qualificados (pessoas que, por exemplo, não só baixaram o app e se cadastraram como também consumiram algo). 

O ticket médio, que representa o valor médio que cada cliente gasta na compra de produtos ou serviços, também é um indicativo muito importante. Afinal, ele mostra o quanto os clientes têm consumido as soluções da startup. 

Finalizando este exemplo, o Custo de Aquisição de Clientes (CAC) representa o seu investimento para atrair novos interessados nos produtos ou serviços da startup. 

Dependendo da sua estratégia, você pode querer diminuir, manter ou aumentar o seu CAC. 

Desta forma, poderiamos configurar um OKR conforme abaixo. A recomendação é que para cada Objetivo (a letra “O” do OKR), você tenha de 2 até 5 Key Results (as letras “KR” do OKR), para manter o foco.

Objetivo: Turbinar as vendas recorrentes para retomar o crescimento

KR1: aumentar a Receita Recorrente Mensal de vendas dos produtos de R$ 1M para R$ 1,2M;

KR2: aumentar a quantidade de clientes ativos na base de 35% para 50%;

KR3: aumentar a taxa de conversão de cadastros em clientes ativos de 25% para 45%;

KR4: aumentar o ticket médio de R$ 127,00 para R$ 250,00;

KR5: manter o CAC abaixo de R$80,00

okrs para startups exemplos

Foco no cliente

Nenhuma startup tem sucesso sem extremo foco no cliente. Assim, é importante que os OKRs de um determinado ciclo representem justamente isso.

Por exemplo, podemos ter como “alavancas” para o cliente a taxa de abandono (churn). Quem já trabalha na área corporativa há tempos sabe que o aumento do churn significa um mal para os negócios, afinal, trata-se do cancelamento de contrato do cliente. 

Sendo assim, dependendo do contexto é importante estabelecer um Key Result que dê foco para endereçar este problema, caso exista. 

Um outro indicador que poderia compor um Key Result poderia ser o Lifetime Value (LTV). 

Ele é mais um indicativo de grande representatividade para a empresa. Isso porque mostra o quanto cada cliente gastará em todo o ciclo de relacionamento com a marca. 

O Net Promoter Score (NPS) é um “termômetro” que a startup utiliza para saber como está o grau de satisfação dos cliente. 

Na prática, a sigla significa um questionário em que o cliente responde dando 0 a 10 para diferentes serviços e produtos. 

Disclaimer:  apesar de o NPS ter diversas críticas no mercado, em geral, quanto maiores as notas, é um sinal de que existe uma maior probabilidade do cliente recomendar a sua startup. 

Se isto significa que ele está realmente satisfeito, não sabemos. Podem ser necessárias outras formas avaliar o caso. 

Veja abaixo um exemplo de OKR com foco no clientes, usando as métricas citadas acima:

Objetivo: Fazer nossos clientes se apaixonarem pelo nosso produto 

KR1: Reduzir o churn de 5% para 2,5%;

KR2: Aumentar o LTV em R$ 200 por mês; 

KR3: Aumentar o NPS de 40 para 60.

Treinamento de OKR introdutório e gratuito
Como obter alinhamento, foco e agilidade com OKR


okrs para startups conclusao

Conclusão

Neste conteúdo, você viu que os OKRs para startups tratam-se de Objetivos e Resultados-chave. 

Os primeiros, basicamente, mostram uma descrição qualitativa do que se espera alcançar. Já os segundos evidenciam a descrição quantitativa das tarefas desenvolvidas. 

Ter esses pontos muito bem definidos ajuda a colocar a startup na rota do crescimento e do sucesso

Além disso, torna o trabalho das equipes muito mais alinhado e focado. 

Quer saber mais sobre OKRs? Então, confira como posso te ajudar por meio da minha consultoria!

Thomaz Ribas OKR

Sobre Thomaz Ribas 

Ele é especialista em OKR e Agilidade para os Negócios, consultor, facilitador e coach empresarial. Thomaz atua lado a lado com executivos, líderes e equipes, desde startups até grandes multinacionais, guiando-os na sua jornada rumo a abordagens de gestão mais ágeis e eficazes, para que possam prosperar nesta nova economia.

Saiba mais

Guia Introdutório de OKR

Mais acessados

Outros temas relacionados

Com a crescente adoção e sucesso de empresas que usam OKR em diferentes segmentos, ...

OKR para RH: como criar passo a passo? [+EXEMPLOS PRÁTICOS]

OKR e Design Thinking são dois grandes condutores para o sucesso dos negócios. Veja ...

OKR e Design Thinking: o que são, para que servem e como escrever?

OKRs para Customer Success é o caminho que leva ao sucesso do cliente. Veja ...

OKRs para Customer Success: o que é, benefícios, como adotar + exemplos!

Quer receber conteúdos como esse gratuitamente?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos diretamente no seu email e ficar por dentro das novidades.

>